Seu portal de notícias do setor energético

3R Petroleum: compra do Polo Potiguar será concluída este mês

Acordo forma empresa com potencial de produção de mais de 100 mil barris por dia de petróleo e gás (Divulgação)

A aquisição do Polo Potiguar pela 3R Petroleum à Petrobras deverá ser concluída ainda em maio. Segundo a companhia, a conclusão depende, apenas, de análises das transferências das Licenças de Operação (LOs) dos subpolos Ubarana e Pescada. O prazo para fechamento do negócio foi informado ao CANAL DA ENERGIA pelo presidente da 3R Petroleum, Matheus Dias.

“A 3R está em fase final de cumprimento das obrigações do contrato de aquisição com a Petrobras, para que possa assumir as operações do Polo Potiguar, ativo estratégico e relevante do nosso portfólio. Nossa expectativa é concluir a transação até o final do mês de maio”, confirma.

Segundo o executivo, o Polo Potiguar é estratégico para a companhia. Além da escala de produção, oferece outro diferencial. “É a estrutura de midstream e downstream, que contribuem para verticalização de parte da cadeia, além de trazer benefícios econômicos, logísticos e notada flexibilidade comercial”, avalia o presidente da 3R Petroleum.

De acordo com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), as análises das licenças de operação estão em fase final de apreciação.

São duas licenças em questão. Uma é a LO 1611/2021, que trata da produção e escoamento de petróleo e gás nos Campos de Arabaiana, Pescada e Dentão, na bacia submersa Potiguar (Plataformas PPE-01A, PPE-01B, PPE-02, PPE-03, PARB-01 e PARB-03 e seus sistemas submarinos).

A outra licença é a LO 1612/2021, que se refere à regularização do licenciamento ambiental dos poços perfurados e das atividades de produção e escoamento nos Campos de Agulha, Ubarana, Cioba, Oeste Ubarana, na bacia submersa Potiguar (LO E&P Potiguar).

“As análises estão em estágio avançado”, informa o Ibama. Contudo, segundo o órgão ambiental, para a emissão das duas LOs, é necessária a apresentação dos Termos Aditivos das Concessões pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O instituto aguarda o documento.

Negócio bilionário

A 3R Petroleum fechou a compra do Polo Potiguar com a Petrobras em janeiro do ano passado. O negócio foi fechado por US$ 1,38 bilhão no total, sendo US$ 110 milhões na data de assinatura do contrato de compra e venda; US$ 1,04 bilhão no fechamento da transação e US$ 235 milhões em 4 parcelas anuais de US$ 58,75 milhões, a partir de março de 2024.

A estimativa de investimentos a serem aplicados pela petroleira na Bacia Potiguar, incluindo o Polo Potiguar, são de US$ 190 milhões em 2023.

A transação é uma das que já tinham contratos assinados antes da Petrobras anunciar, em março deste ano, a suspensão dos processos de desinvestimentos. Quando anunciou as mudanças, ressaltou, no entanto, que negociações já assinadas seriam mantidas.

Geração de emprego

De acordo com a 3R Petroleum, a companhia gera mais de 1.500 empregos diretos e indiretos nas regiões onde atua, como Bahia e Espírito Santo. Mas, a expectativa em torno do Polo Potiguar, são ainda mais otimistas.

“Se considerarmos o Polo Potiguar, com o Ativo Industrial, o terminal e toda a estrutura, podemos ampliar esse número em pelo menos duas vezes naquela região”, prevê a 3R Petroleum.

Sobre o Polo Potiguar

O Polo Potiguar compreende três subpolos (Canto do Amaro, Alto do Rodrigues e Ubarana) e totaliza 22 campos, dos quais 3 concessões marítimas e 19 concessões terrestres. A transação inclui ainda a estrutura de refino integrada ao processo de produção de óleo e gás, composta pela Refinaria Clara Camarão, localizada em Guamaré/RN.

As concessões do subpolo Ubarana estão localizadas em águas rasas, entre 10 e 22 km da costa de Guamaré. As demais concessões dos subpolos Canto do Amaro e Alto do Rodrigues são terrestres.

O CANAL DA ENERGIA buscou posicionamento da Petrobras junto à assessoria de comunicação da estatal mas, até o fechamento da reportagem, não obteve retorno.

Câmara

compartilhe

A publicidade é a vida do negócio
Aumente suas possibilidades
Se eu tivesse um único dólar