Seu portal de notícias do setor energético

ANP conclui desinterdição do Polo Bahia Terra

ANP liberou 100% das instalações do Polo Bahia Terra que havia interditado no final de 2022 (Foto: Divulgação)

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) concluiu ontem (19), o processo de desinterdição das 38 instalações do Polo Bahia Terra, que tiveram a operação paralisada pela Agência em dezembro de 2022, por questões de segurança.

Com isso, a Petrobras poderá retomar a produção no local. O Polo Bahia Terra responde por cerca de 32% da produção terrestre de petróleo e gás natural no estado da Bahia, com 1.291,8 m³/dia de petróleo e 373,2 mil m³/dia de gás natural.

As instalações foram desinterditadas gradualmente, conforme o cumprimento, pela Petrobras, das condições estabelecidas pela Agência.

Ao longo do processo foram analisadas 836 condicionantes, das quais 610 foram aprovadas em primeira análise e 226 necessitaram de complementação de informações antes da aprovação. Assim, foram realizadas no total 1.062 análises, ao longo de 34 pareceres oriundos de cerca de 900 documentos analisados.

Em comunicado, a Petrobras informou que “a companhia iniciou a execução dos procedimentos operacionais necessários para o retorno seguro do processo produtivo dessas instalações, sendo que todas as 38 instalações que compõem o Polo Bahia Terra já foram liberadas para operação, o que possibilitará o reestabelecimento de 100% da produção total do Polo”.

Ao todo, 28 campos terrestres haviam tido sua produção paralisada: Araçás, Buracica, Canário da Terra, Canário da Terra Sul, Cantagalo, Cidade de Entre Rios, Fazenda Alvorada, Fazenda Azevedo, Fazenda Bálsamo, Fazenda Boa Esperança, Fazenda Imbé, Fazenda Panelas, Guritã, Guritã Sul, Jandaia, Lamarão, Leodório, Malombê, Mandacaru, Massapê, Riacho da Barra, Riacho Ouricuri, Rio da Serra, Rio do Bu, Rio Itariri, Rio Sauipe, Tangará e Taquipe.

Câmara

compartilhe

A publicidade é a vida do negócio
Aumente suas possibilidades
Se eu tivesse um único dólar