Seu portal de notícias do setor energético

Energia solar soma 41 GW de capacidade instalada no Brasil

Em termos de participação, a fonte solar representa 17,4% da matriz elétrica brasileira (Divulgação/Aneel)

O Brasil ultrapassou a marca de 41 GW de capacidade instalada na energia solar fotovoltaica. O levantamento é da Associação Brasileira de Energia fotovoltaica (Absolar) e contabiliza grandes usinas solares (geração centralizada) e os sistemas de geração própria de energia em telhados, fachadas e pequenos terrenos (geração distribuída).

A fonte, de acordo com a entidade, acumula mais de R$ 195 bilhões em investimentos no país, e é responsável pela geração de mais de 1,2 milhão de empregos.

Em termos de participação na matriz elétrica brasileira, a fonte solar representa 17,4%. Ainda segundo a Absolar, desde 2012, os negócios no setor fotovoltaico garantiram mais de R$ 58,6 bilhões em arrecadação aos cofres públicos.

Outros dados apresentados pela Absolar revelam que o segmento de geração centralizada atingiu 13 GW de potência operacional no Brasil, com cerca de R$ 56 bilhões em investimentos acumulados e mais de 391 mil empregos.

No mercado de geração distribuída, a tecnologia supera 28 GW de capacidade instalada, equivalente a cerca de R$ 139,2 bilhões em investimentos, R$ 41,7 bilhões em arrecadação e mais de 841 mil empregos.

Para o CEO da Absolar, Rodrigo Sauaia, a transição energética, com o protagonismo da tecnologia fotovoltaica, contribui fortemente para o desenvolvimento social, econômico e ambiental, em todas as esferas da sociedade.

“Além de acelerar a descarbonização das atividades econômicas e ajudar no combate ao aquecimento global, a fonte solar tem papel cada vez mais estratégico para a competitividade dos setores produtivos, independência energética e prosperidade das nações”, explicou.

Câmara

compartilhe

A publicidade é a vida do negócio
Aumente suas possibilidades
Se eu tivesse um único dólar