Seu portal de notícias do setor energético

RN lidera expansão elétrica do país no primeiro trimestre

Das 105 novas usinas instaladas no Brasil nos três primeiros meses de 2024, 33 estão  no Rio Grande do Norte (Divulgação/Aneel)

O Rio Grande do Norte liderou a expansão da matriz elétrica brasileira nos primeiros três meses de 2024. No período, o estado contabilizou 1.171,33 MW dos 2,6 gigawatts (GW) de potência instalada em todo o país. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o RN foi, pelo terceiro mês seguido, a unidade federativa com maior expansão no Brasil.

O estado está à frente de Minas Gerais (472,80 MW) e a Bahia (439,90 MW). Ainda de acordo com dados da Aneel, das 105 novas usinas instaladas no Brasil entre janeiro e março deste ano, 33 estão no Rio Grande do Norte.

Somente no mês de março, ainda segundo a Aneel, a matriz elétrica registrou incremento de 906 megawatts (MW) e a entrada em operação de 41 usinas. São 13 centrais solares fotovoltaicas (544,22 MW) e das 25 eólicas (316,30 MW) que passaram a operar no período. Além dessas, também entraram em operação no mês uma usina termelétrica (26,00 MW) e duas pequenas centrais hidrelétricas (19,75 MW).

O resultado do primeiro trimestre está em linha com a previsão de crescimento da geração de energia elétrica calculada pela Aneel para 2024, de 10,1 GW. Este será o segundo maior avanço anual já verificado pela Agência desde sua criação em 1997 – atrás apenas do crescimento de 10,3 GW em 2023.

Capacidade total é de 201,1 GW

O Brasil ultrapassou no dia 7 de março a marca de 200 gigawatts de potência. Em 10 de abril, o Brasil somou 201.108,7 MW de potência fiscalizada, de acordo com dados do Sistema de Informações de Geração da Aneel, o SIGA, atualizado diariamente com dados de usinas em operação e de empreendimentos outorgados em fase de construção. Desse total em operação, ainda de acordo com o SIGA, 84,41% das usinas são consideradas renováveis.

Câmara

compartilhe

A publicidade é a vida do negócio
Aumente suas possibilidades
Se eu tivesse um único dólar